Ajude o blog á crescer,no momento temos esse número de visitantes:

sábado, 20 de abril de 2013

O coração de Melaine - Parte 1



Tnha uma casa naquela rua que á assustava. Grama seca, portões enferruados, árvores sem folhas.Típica casa de filme de terror.Ela nunca entrára lá. Desde pequena ouvia hisórias assustadoras.Nunca passava naquela calçada e se benzia sempre que olhava para lá.
Melaine era uma garota estranha,tinha pesadelos esquisitos e vestia roupas antiqudas.Melaine odiava aqueles pais adotivos,odiava o irmão e odiava todu mundo.Ela só gostava da escola.Lá tinha garotos bonitos e ela sempre observava eles. Por mais estranha que fose,era cobiçada.E tinha muitas amigas.

Em determinado dia,ela teve um pesadelo,com animais e pessoas mortas e um homem de costas para ela gritava Melaine,não se apaixone. A garota não entendia. Ela nunca se apaixonara por ninguém,ela só adimirava. Nunca amou ninguém.Se quer amou á si mesma.
Melaine não contava para ninguém seus pesadelo. Outro dia,outro pesadelo,a pobre garota acordou suada e lembrava do mesmo homem dizendo pra ela Você não vai se apaixonar.Você não pode.Você é minha.Uma gargalhada sinistra ecoou em sua mente.

Voltando da escola,Melaine parou do outro lado da rua e olhou aquela casa.Todos passavam por ela sem ter receio algum.Porque ela não conseguia? Decidiu que conseguiria. Andou em direão á casa e cada vez que se aproximava sentia um vento frio percorrer sua alma,suas entranhas,e sua espinha. Ela conseguiu. Parou em frente á casa e, orgulhosa de si mesma, segurou na grade do portão e gritou Não tenho medo de você. Algo estranho aconteceu. O céu ficou cinza e começou a trovejar. Uma neve fina começou a cair.Alguns segundos depois um vento terrível começou a soprar e olhando para o alto ela viu um furacão se formando. Não podia ser real,aquilo não acontecia daquele lado do país.Nunca aconteceu. Seu coração é todo meu , foi a última coisa que Melaine ouviu.

#Continua
 

2 comentários:

Leticia Karen disse...

Puutz' Fiquei curiosa :O

Letícia Pontes disse...

KKKKKKKKK, em breve...