Ajude o blog á crescer,no momento temos esse número de visitantes:

sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Independente ( sqn)



Me pede pra ficar um pouco mais.Eu não quero ir agora mas estou te dizendo adeus. Me abrace forte mesmo que eu resista porque no fundo é isso que eu quero. Você chegou levando tudo de perto de mim, como um tsunami destruindo o que eu tinha.Mas eu sei, que basta você sair que tudo volta ao normal,então porque eu não abro a porta e te mando embora?Eu simplesmente não consigo.Eu falo que preciso ficar sozinha, você diz "você quem sabe" e sai.mas eu seguro as lágrimas e seguro a voz, antes que eu te peça pra voltar. Estou fazendo de tudo pra mostrar que sou forte e que não preciso de você aqui.Mas é que na verdade você é meu ponto fraco, você é a minha droga, a substancia que me viciou.E você simplesmente esnoba,porque diz que sempre me alertou e eu quem fui boba. Eu sei.Você te razão.Eu vou parar.Mas enquanto isso, me serve um pouco  mais do seu amor.
- Letícia Pontes

4 comentários:

Caroline França disse...

"então porque eu não abro a porta e te mando embora?Eu simplesmente não consigo."

"mas enquanto isso, me serve um pouco mais do seu amor."

muito bom.

Letícia Pontes disse...

*-* Obrigada!

Yasmin Silva disse...

Diva você é muito Diva!
Escreve muito bem, parabéns! Lindo. lindo e lindo!

Letícia Pontes disse...

Nossa Yasmin! É ótimo ler isso!
Muito obrigada meeesmo! <3 *---*