Ajude o blog á crescer,no momento temos esse número de visitantes:

quinta-feira, 8 de novembro de 2012



Você foi pra mim a melhor, quase irmã.
Até me trair, cortar os laços.
Então, tudo acabou.
Meu segredo revelado, pela boca de uma amiga.
Senti como se eu fosse ninguém, nada para você.
Foi assim que me senti, é assim que em sinto.
Chegar á um local, ver todos me observando.
Ver meu maior e pior segredo na boca de todos.
Sentir as algemas no pulso, suas lágrimas caindo,
Pedindo perdão, mas com um leve sorriso.
Foi naquele momento que prometi vingança.
E hoje no seu enterro, meu corpo rígido,
Nenhum peso na consciência, nada a declarar.
Nenhuma lágrima. Para derrubar.
Não pro você.
A polícia chegando, e novamente,
As algemas em meu pulso.

Vingança, de Letícia Pontes


3 comentários:

Leticia Karen disse...

Oh my god ! Que horripilante ! Ameei, continua assim :O Posso postá-lo em meu blog com os créditos?

Letícia disse...

pode siim, botando os créditos pode até escrever num muro por ai, kkk

Leticia Karen disse...

kkkkkkkk tah